Considerado o deserto mais árido do mundo, o Atacama recebe fenômeno raro de floração

Imagem relacionada

Um fenômeno de extrema beleza e ao mesmo tempo incomum, que somente ocorre com um intervalo de diversos anos, é a floração no  deserto do Atacama,  que fica ao norte do Chile e é um dos locais considerados mais secos do planeta. Centenas de turistas pegam a estrada para fotografar esse espetáculo fantástico da natureza, tentando captar diversas das quase duzentas espécies de flores, encontradas nesse cenário raro.

Esse episódio acontece somente quando chuvas fortes caem nesse local no mês de maio, e isso é extremamente raro. Muitos turistas estrangeiros e também os próprios chilenos, quando percebem que o mês de maio foi bastante chuvoso nessa região, eles começam a organizar as suas viagens. Segundo a Sernatur (Serviço Nacional de Turismo), cerca de 25.000 visitantes são esperados na região do deserto do Atacama, sendo que além dos próprios chilenos, espanhóis, franceses, alemães e diversos turistas vindos de vários países do mundo, irão apreciar esse fenômeno da natureza.

Essa floração para acontecer depende de condições climáticas adequadas, como a chuva no mês certo. Antigamente as flores apareciam a cada cinco anos, acontecendo algumas vezes a cada dez anos. Mas a última vez que esse evento aconteceu foi em 2015, quando foi observado uma grande floração no Atacama. Antes disso, há dezoito anos que não acontecia esse fenômeno, desde 1997.

Esse fenômeno tem a sua maior concentração em regiões próximas do Oceano Pacífico, nos dois lados da rodovia que atravessa o Chile de norte a sul, a Pan-Americana. No norte do país, em uma área de aproximadamente 150 km, entre as cidades de Vallenar e Copiapó, que possuem uma paisagem seca e árida, nessa época elas apresentam uma enorme concentração de flores de inúmeras espécies.

Gabriela López, administradora do Parque Nacional Llanos de Challe, comenta que o parque é um dos principais locais para admirar a paisagem antes desértica, mas que enquanto durar o fenômeno, intensamente florida. O parque possui a maior biodiversidade de flores da região, fazendo com que ele se torne o principal ponto de observação.

Juntamente com as flores, chegam pequenos animais como borboletas e besouros, quando a paisagem fica no auge da sua beleza. Daniel Díaz, que é diretor regional do Sernatur, no Atacama, disse que esse vai ser o deserto com flores mais fotografado de todos os tempos.

 

This entry was posted in Postagens. Bookmark the permalink.